Smed participa de encontro entre Secraso e organizações sociais

Parceria visa garantir os direitos das entidades da gestão compartilhada e de seus funcionários

A secretária Municipal da Educação, Marina Matiello, participou de uma reunião entre representantes das três entidades da gestão compartilhada que atendem a Educação Infantil no Município e o secretário-geral do Sindicato das Entidades Culturais, Recreativas, de Assistência Social, de Orientação e Formação Profissional (Secraso), Wilson de Oliveira Moreira, na tarde do dia três de outubro. O encontro, que ocorreu na Procuradoria-Geral do Município (PGM), teve como principal objetivo firmar a associação entre as organizações sociais Associação de Educação Integral Educaxias, Centro Filantrópico de Assistência Social Charles Leonard Simon Lundgren e Associação Cultural Jardelino Ramos e o sindicato patronal.

Na ocasião, foram apresentadas as propostas e a forma de trabalho do Secraso. Também foram esclarecidas dúvidas quanto aos termos de convenção, já que as entidades seguirão as diretrizes do contrato em vigor desde abril deste ano. Além da secretária, estavam presentes, representando a Secretaria Municipal da Educação (Smed), a diretora financeira Danúbia Sartor e a assessora financeira Simone Bertollo Borges, além das procuradoras do Município Karin Comandulli Garcia e Zelia Renata Grando Hermann.

A titular da pasta destaca a importância da reunião para todos os envolvidos. “Estamos muito satisfeitos com a parceria firmada entre as entidades e o sindicato, que deve garantir os direitos tanto das organizações sociais quanto dos seus funcionários, pregando pelo bom relacionamento e, especialmente, pelo bom atendimento nas nossas escolas”, considera. De acordo com a diretora financeira, o momento foi essencial para que as partes estejam cientes dos prazos e execuções combinadas. “Já estão garantidos todos os repasses com previsão de cumprimento da convenção coletiva em vigor”, explica.

Assessoria de Imprensa – Smed

Escola Municipal Padre João Schiavo recebe palestra de segurança na internet

Objetivo foi orientar sobre proteção nas redes e os perigos do mau uso

Os estudantes e professores da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Padre João Schiavo receberam uma palestra especial na última quinta-feira (04/10): o técnico de informática da Secretaria Municipal da Educação, Alexandre José Corso, trabalhou o tema “O perigo por trás das redes sociais e da internet”. Também debateu questões sobre a exposição excessiva na rede, cyberbullying e perigos do mau uso.

Os 184 estudantes dos 6º aos 9º anos puderam aprender mais sobre como utilizar as redes de forma segura e também as consequências que o uso incorreto pode trazer. “Não temos mais como impedir que os alunos usem a internet, mas podemos alertá-los a forma certa de acessar. Por isso é importante que eles tenham a clareza dos perigos que podem ter nas redes sociais”, ressalta a diretora Izamara Monteiro.

Para Corso, este trabalho é necessário para que tanto alunos quanto professores estejam seguros. “Orientamos a buscarem formas de proteção da sua imagem na internet. Quando uma foto é exposta uma única vez na rede, não há mais como retirá-la totalmente. E não basta somente eu saber como me comportar e me proteger, porque às vezes sofremos problemas por publicações de outras pessoas, então é necessário repassar o que aprendemos a todos, criando uma sociedade digital mais ética, segura e legal”, afirma.

Neste ano, Alexandre já deu a palestra para as escolas Fioravante Webber, Angelo Francisco Guerra, Vereador Marcial Pisoni, Giuseppe Garibaldi, Nova Esperança, Presidente Castelo Branco, Cidade Nova, Paulo Freire, Padre João Schiavo e a entidade Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) Caxias.

Para as demais escolas interessadas, é necessário mandar um ofício ao setor da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes e Violência Escolar (CIPAVE), na Secretaria Municipal da Educação (Smed), solicitando a formação.

Assessoria de Imprensa – Smed