Escola Municipal Alfredo Belizário Peteffi promove sábado de atividades com escritores

Encontro marcará a conclusão dos projetos de leitura deste ano da instituição

Os estudantes da Escola Municipal de Ensino Fundamental Alfredo Belizário Peteffi participarão de uma atividade diferente neste sábado (29/09). As crianças de Educação Infantil e anos iniciais (turmas até o 5º ano) receberão a escritora Tânia Perotti na escola para um momento de conversa. Além disso, a autora de Farroupilha também conhecerá uma mostra de trabalhos realizada pelos alunos sobre dois de seus livros: Um Ipê para Manuela e Procura-se Criança Encantada.

Já os estudantes dos anos finais (6º ao 9º ano) serão acompanhados pelas professoras até a Feira do Livro, na Praça Dante Alighieri, e participarão de uma gincana, chamada perícia literária. Nela, as turmas serão divididas em grupos e receberão pistas para uma caça ao tesouro. Além disso, durante a visita, os estudantes também encontrarão o escritor caxiense Pedro Guerra para um bate-papo.

Ambos os encontros com os autores marcam a conclusão dos projetos de leitura deste ano. “O objetivo é estimular o hábito da leitura. Por isso, as atividades são desenvolvidas durante o ano todo através de trabalhos em sala de aula que vão desde releituras até interpretações de cenas dos livros, além de atividades que envolvem pais e responsáveis”, contou o diretor da escola, Milton Bossle.

Assessoria de Imprensa – Smed

Escola Municipal Governador Leonel Brizola passa a funcionar em novo local no próximo ano

Smed remanejará estudantes e equipe escolar para a Escola Estadual Ivanyr Marchioro, após um pedido de desocupação da UCS
 
Os estudantes e toda a equipe de diretores, professores e funcionários da Escola Municipal de Ensino Fundamental Governador Leonel Brizola serão transferidos para outro local a partir de 2019. Hoje, a instituição atende em um espaço dentro do Bloco J da Universidade de Caxias do Sul (UCS), porém, após um pedido de desocupação feito pela UCS, a Smed remanejou o grupo que passará a ter aulas na Escola Estadual de Ensino Fundamental Professora Ivanyr Euclinia Marchioro.
 
A secretária municipal da Educação, Marina Matiello, e a diretora administrativa, Raquel Baldasso, se reuniram com a equipe diretiva, professores, pais e estudantes da Escola Leonel Brizola nesta terça-feira (25/09) para falar sobre a mudança. “A Smed, em respeito à comunidade escolar, assim que tomou conhecimento da necessidade de realocar essa comunidade para outro espaço escolar, buscou, de todas as formas, encontrar alternativas que viabilizassem o bem-estar de todos. Dessa forma, garantimos a continuidade do acesso àqualidade de aprendizagem já desenvolvida por todos os envolvidos”, esclareceu Raquel.
 
Os 120 estudantes passarão a ter aulas no novo espaço a partir do próximo ano letivo. A Escola Professora Ivanyr fica a 2,3 quilômetros da atual sede. O transporte escolar dos alunos, de ida e volta do loteamento Campos da Serra até a instituição, será mantido mesmo com a alteração de endereço. No novo espaço, os alunos da Leonel Brizola passarão a ter aula apenas no turno da tarde, já que no período da manhã ocorrem as aulas dos estudantes da escola estadual.
 
A transferência dos estudantes acontecerá no início do próximo ano letivo e será provisória até a construção da nova escola no Campos da Serra, com início previsto para 2019. O prédio contará com mais de 10 salas de aula, pátio coberto, playground com brinquedos infantis, numa área total de mais de 16 mil metros quadrados. A capacidade da nova escola será de 550 alunos por turno. O projeto da Secretaria Municipal do Planejamento (Seplan) foi finalizado e agora está em fase de levantamento de documentos para elaboração da licitação.
 
Assessoria de Imprensa – Smed 

Secretária da Educação se reúne com Clube de Mães do Desvio Rizzo

Encontro ampliou debate sobre ocupação do espaço para atendimento da Educação Infantil

A secretária Municipal da Educação, Marina Matiello, visitou o Clube de Mães Santa Rita de Cássia, no bairro Desvio Rizzo, nesta terça-feira (25/09), para uma escuta qualificada. O encontro, que reuniu cerca de 40 participantes, representantes da comunidade e da Câmara de Vereadores, teve como principal objetivo registrar as sugestões e esclarecer dúvidas referentes ao pedido de desocupação da entidade para a instalação de uma escola de Educação Infantil. Na reunião, Marina também esclareceu que o pedido está suspenso até que se encontrem novas soluções para sanar o déficit de vagas para as crianças da região.

Na oportunidade, a secretária explicou o processo para compra de vagas em escolas da localidade, já que a comunidade havia levantado essa possibilidade para evitar a desocupação do prédio. “Podemos comprar somente as vagas de escolas credenciadas, ou seja, oferecidas pela instituição de ensino interessada, conforme contrato. Mesmo que ainda existam vagas para serem compradas, o chamamento é feito pela Smed de acordo com a ordem da lista de espera e a vulnerabilidade”, esclareceu Marina. Até o final do ano deve ocorrer um novo edital para a compra de vagas.

A reforma e ampliação do prédio, hoje ocupado pelo Clube de Mães, para a instalação de uma escola de Educação Infantil, abriria 90 vagas à comunidade. “Estamos dispostos a aumentar a oferta de vagas e, ainda, acolher a necessidade do Clube de Mães. Sempre consideramos que elas realizam um belo trabalho na comunidade e o nosso esforço será para atender todas as demandas”, resumiu.

De acordo com a titular da Smed, um novo encontro deve ocorrer até novembro. “Neste meio tempo, além de buscarmos alternativas, teremos, no mês de outubro, as inscrições das crianças de zero a três anos que ainda estão fora da escola, o que possibilitará análise e planejamento para o atendimento das famílias”, pontuou Marina.

 

Assessoria de Imprensa – Smed 

 

Fotos: Renata Zanatta